Como saber se tive um orgasmo?

Será que todo orgasmo é igual? Se nem todo orgasmo é igual então como vou saber se o que tive foi um orgasmo? Se liga nesse post que vamos responder.

Essa pergunta pode ser difícil de responder, já que o orgasmo não é apenas uma sensação física e pode mudar muito de pessoa para pessoa. O orgasmo é uma experiência pessoal e única. Cada pessoa terá uma percepção e características diferentes. Mas algumas sensações podem esclarecer essa dúvida.

O orgasmo é uma resposta sexual vinculada a processos cognitivos e emocionais, o que faz dele uma experiência única. A intensidade do orgasmo varia de acordo com vários fatores: a qualidade da transa, os estímulos, o(a) parceiro(a), o estado psicológico e a condição emocional. Por isso, cada uma sentirá o orgasmo do seu jeito.

Porém, algumas alterações físicas do organismo feminino, durante o orgasmo podem ajudar a descobrir se é ou não é. A começar pelas contrações involuntárias no assoalho pélvico e uma sensação de choques (sentiu isso? Então batata, é um orgasmo!), mas essas contrações podem ser menores e também passarem rápido e ser um orgasmo também. Útero, vagina e ânus têm contrações simultâneas e muito rápidas. Respiração ofegante e calor pelo corpo. O clitóris, a vagina e os lábios vaginais aumentam de volume e ficam mais avermelhados. O clitóris fica muito, mas muitoooo, mais sensível. Ocorre aumento de lubrificação, esses são uns dos sintomas físicos, mas todos eles podem ser bem fraquinho e quase imperceptível.

Para você ter uma ideia existem mais de 26 definições para o orgasmo na Clinical Psychology Review (Revisão de psicologia clínica), pois até para cientistas especializado pode ser difícil explicar.

Há ainda quem ache que o orgasmo é acompanhado de ejaculação e acha que nunca teve um orgasmo, saiba que orgasmo e ejaculação são coisas diferentes que nem acontecem juntas, no homem quase todas as vezes os dois são juntos, mas nas mulheres é muito raro quem tenha, e nem há consenso científico na questão da ejaculação feminina.

Rolou tudo isso e ainda uma sensação que você está longe deste universo com um êxtase imenso e um apagão de todo e qualquer problema? Você teve sim um orgasmo e te digo mais, a intensidade vai variar sempre. Com o tempo você terá mais controle e entenderá melhor quando, como, o quê e onde o seu orgasmo pode ser melhor ou pior, mais rápido ou mais demorado.

Orgasmos são diferentes um dos outros e para você se conhecer melhor se masturbe, veja as reações corporais e com o tempo vai ficando mais fácil perceber e também como chegar lá.

Acompanhe a gente nas redes sociais instagram e facebook. Fique por dentro de todas novidades!

Gostou? Então compartilhe esse conteúdo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos em Destaque
Tags
Categorias em Destaque
Anal
Relacionamentos
BDSM
Boquete
Saúde da Vulva
Saúde do Pênis
Fique Conectado
Shopping cart

Sign in

No account yet?

Shop
0 Wishlist
0 items Cart
My account